Comer para ter saúde: a FDA promove os benefícios dos frutos marinhos para mulheres grávidas.

shutterstock_137474282

Há pouquíssima dúvida de que uma dieta saudável é crítico para uma mente, corpo e alma saudáveis. E é bem documentado que o status de nossa saúde é afetado, em parte, pelo o que comemos. “Comer para ter saúde” é especialmente importante para mulheres grávidas, já que elas estão comendo por dois.

Recentemente, a Food and Drug Administration dos Estados Unidos fez um anúncio dramático que afetará positivamente a saúde de grávidas e seus bebês. Pela primeira vez desde 2004, a FDA libera um projeto de revisão para as recomendações sobre frutos do mar e saúde em conjunto com a EPA. Este projeto agora enfatiza os benefícios de frutos do mar à saúde, especialmente para grávidas. De acordo com o Dr. Stephen Ostroff, o cientista chefe atuando da FDA, “A ciência agora nos diz que limitar ou evitar a ingestão de peixe durante a gravidez e no começo da infância significa perder nutrientes importantes que teriam um impacto positivo na saúde em geral.”

O projeto atualizou os conselhos de cautela para grávidas ou lactantes para evitar quatro tipos de peixes, que são associados com níveis altos de mercúrio. São eles o peixe-batata do Golfo do México; tubarão; peixe-espada; e cavala. Além disso, também atualizou as recomendações de limitar o consumo de atum branco (albacora) para 170g por semana.

As opções com níveis menores de mercúrio incluem alguns dos tipos mais comuns consumidos, como camarões, salmão, atum light enlatado, tilápia, escamudo, bacalhau e peixe-gato.

Quando comer peixes originários de lagos, rios e córregos locais, siga as recomendações das autoridades locais. Se nenhuma estiver disponível, limite sua ingestão para 170g semanais, e entre 20-70g para crianças. Sabe-se que o americano comum consome menos frutos do mar do que o que é realmente recomendado para prover o máximo à saúde. As Dietary Guidelines for Americans  de 2010 recomenda a ingestão de 220 até 340g por semana (menos se for criança) de uma boa variedade de frutos do mar para auxiliar na prevenção de doenças do coração. Isso por causa das proteínas nutritivas e dos ácidos graxos do ômega 3 que são abundantes em frutos do mar.

Fontes: http://www.foodinsight.org/Default.aspx?tabid=60&EntryId=815

4 respostas em “Comer para ter saúde: a FDA promove os benefícios dos frutos marinhos para mulheres grávidas.

  1. Pingback: Este chocolate promete acabar com as cólicas da TPM | + Bio

  2. Pingback: Embalagens comestíveis são o futuro próximo do mercado alimentício | + Bio

  3. Pingback: Que tal incorporar o licopeno na sua dieta? | Blog +Bio

  4. Pingback: Como a cafeína age no nosso organismo? | Blog +Bio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.