LACC3: A economia da nutrição e da saúde. Por Denise Cavallini Cyrillo.

Dando continuidade à série de posts com alguns dos temas a serem abordados nas palestras da LACC3 (Latin American Cereal Conference), que vai acontecer em Curitiba, de 29/03 a 01/04 de 2015. E nāo esqueça: A cada semana iremos postar uma matéria com um novo tema que envolve a conferência. Não perca.

Atualmente Denise Cavallini Cyrillo é Professora Associada da Faculdade de Economia, Adminsitração e Contabilidade da USP. Tem experiência nas áreas de Economia da Saúde e da Alimentação e Nutrição, atuando principalmente nos seguintes temas: Segurança Alimentar, Qualidade de Vida, Sistemas de Monitoramento e de Custos.

imgSite.php

Em sua palestra, Denise analisará de que forma a interação entre o setor público e privado de saúde da economia brasileira, avaliando como a sua estrutura produtiva, aliada ao aparato legal referente ao período anterior à regulação da Agência Nacional de Saúde Suplementar, pode ter causado um impacto negativo sobre o acesso dos brasileiros de baixa renda aos bens públicos de saúde. Para dar suporte aos argumentos apresentados, foram utilizados os microdados do suplemento saúde da PNAD de 1998, analisados por meio de modelos logit e probit tendo em vista o caráter qualitativo da variável dependente. Os resultados sugerem evidências favoráveis à hipótese proposta.

Fonte: http://www.fea.usp.br/feaecon/perfil.php?u=46

 

01-e33cbfbc

Ainda nāo se inscreveu na LACC3 2015? Entāo nāo perca tempo!

http://lacc3brazil.com/inscricoes/

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.