Embalagens no setor de alimentos: Fator de diferenciação no ponto de venda

Embalagens no setor de alimentos: Fator de diferenciação no ponto de venda

O comportamento de consumo das pessoas mudou e, agora, além de exigirem a qualidade dos alimentos, elas estão atentas às embalagens dos produtos disponíveis nos pontos de venda.

Com a intenção de conquistar mais clientes, muitas empresas têm investido em novas opções de embalagens, com design, funcionalidades e tecnologias atrativas.

Segundo definição da Associação Brasileira de Embalagem (Abre), “a embalagem é um recipiente ou envoltura que armazena produtos temporariamente, individualmente ou agrupando unidades, tendo como principal função protegê-los e estender seu prazo de vida (shelf life), viabilizando sua distribuição, identificação e consumo”.

A Anvisa legisla e fiscaliza a utilização de rótulos em embalagens de produtos alimentícios e materiais para contato com alimentos.

O rótulo especifica informações aos consumidores, como o prazo de validade do alimento, o lote de produção, o conteúdo, a origem, valor nutricional, entre outras informações relevantes. Recentemente, a Anvisa estabeleceu a exigência de informações referentes a ingredientes alergênicos, como glúten, derivados de leite, castanhas, látex, etc.

Hoje as embalagens podem ser vistas como um fator decisivo na compra, diferenciando produtos e marcas que atuam em um mesmo segmento.

De acordo com estudo da CNI (Confederação Nacional da Indústria), 75% das empresas que investiram em design em suas embalagens registraram aumento de vendas, sendo que 41% delas também reduziram seus custos de produção.

As preferências dos consumidores impulsionam o mercado de embalagens, que possui características específicas, com oportunidades para os pequenos negócios de alimentos.

Vantagens e possibilidades com o uso de embalagens:

• Conservam o alimento, prolongando sua vida útil e mantendo sua qualidade;

• Facilitam o transporte e a distribuição dos produtos garantindo segurança aos alimentos durante o trajeto;

• Contribuem para a atratividade dos alimentos que estão expostos no ponto de venda;

• Possibilitam o acesso do consumidor a informações importantes sobre o produto;

• Garantem praticidade no consumo e segurança no manuseio;

• Possibilitam rastreabilidade e identificação dos alimentos e suas respectivas características de origem e produção;

• Proporcionam diferenciação competitiva no mercado para as empresas que atuam no mesmo segmento, por meio do design.

A inovação está em pauta quando o assunto é embalagem e várias tendências estão se desenhando no mercado. Em virtude do grande crescimento populacional, as embalagens se tornaram essenciais para a otimização e para o melhor aproveitamento dos alimentos e insumos, evitando o desperdício global.

Tamanhos e dimensões
A variedade de produtos alimentícios impulsiona a criação de embalagens menores, proporcionando assim um aumento de espaço nas prateleiras das lojas. Além disso, há o registro de que as famílias estão cada vez menores, demandando menor quantidade de alimentos. Por outro lado, as embalagens maiores garantem economia (em geral, os produtos de maior volume são mais baratos) e sustentabilidade (relação entre quantidade de embalagem e produto). Isso tudo é possível devido aos recursos tecnológicos disponíveis, que possibilitam uma variação muito ampla de dimensões na criação de embalagens.

Materiais de fonte renovável
São embalagens fabricadas com materiais cuja fonte pode ser reposta em um curto intervalo de tempo, como por exemplo, materiais fabricados a partir da cana de açúcar, celulose etc.

Embalagens globais
Com o objetivo de serem reconhecidas em todo o mundo por símbolos e guras universais, essas embalagens serão compostas por poucas palavras e permitirão que as marcas sejam reconhecidas em vários continentes somente com sua identidade visual. Há diversas marcas no mercado que há muito utilizam esta estratégia, sendo facilmente reconhecidas pelo consumidor.

Embalagens ecológicas
Impulsionadas pela consciência ecológica que vem sendo despertada nos consumidores, as empresas estão investindo em embalagens ambientalmente corretas, visando a produção sustentável com a utilização de insumos recicláveis e refis. Também existem as embalagens compactas, que ocupam menor espaço nos locais de descarte.

Embalagens funcionais
A principal característica desse tipo de embalagem é a praticidade, o fácil manuseio e a disposição das informações sobre seu conteúdo, fabricação e fechamento. Elas possuem sistemas de abertura e fechamento e cientes, que garantem melhor conservação do produto.

Fonte: SEBRAE Inteligência Setorial

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s