Iogurte salgado: tendência nos EUA

Iogurte salgado: tendência nos EUA

Os iogurtes salgados vêm fazendo sucesso nos Estados Unidos, ajudados pela enorme onda de popularidade da indústria de iogurte grego, que agora contabiliza US$ 8 bilhões. Em cima disso, muitos processadores de iogurte estão querendo aproveitar essa tendência.

A Chobani, por exemplo, lançou sua linha Flip and Meze e a Fage seguiu o exemplo com o lançamento dos produtos Crossovers, misturando azeite e tomilho com amêndoas fatiadas. Outras empresas, como Prairie Farms, também estão entrando no mercado de molhos de iogurte salgados.

Embora esses produtos pareçam se encaixar diretamente na tendência em crescimento de iogurtes salgados, que deverá expandir-se em uma taxa significativa até 2024, alguns produtos de iogurte salgado no mercado são uma “falha” da coisa real, de acordo com o co-fundador e proprietário da Sohha Savory Yogurt, John Fout. “Eu acho confuso essa questão, porque não é realmente salgado e o teor de açúcar ainda é alto”, disse ele. “Há muitas falhas no mercado”.

O sabor doce tem prevalecido quando se fala de iogurte, o que é parte da razão da emergência dos salgados. A categoria de salgados abriu um arsenal de novas possibilidades para os processadores de iogurte, permitindo mais espaço para inovação, enquanto mantêm seu rótulo limpo de ingredientes.

Sohha foi capaz de capitalizar sobre a tendência de iogurtes salgados bem antes das importantes processadoras, como Chobani e Fage, fazerem isso no começo de 2014, quando a companhia foi fundada.

A inspiração por trás do Sohha Savory Yogurt veio da infância da co-fundadora, Angela Fout, que cresceu no Líbano, onde o iogurte é incorporado em todas as refeições. “Com quase todas as refeições, sempre havia um pote de iogurte com óleo de oliva nas mesas da cozinha. E isso é algo que não foi realmente adotado nos Estados Unidos, mas é algo que queremos trazer às pessoas”.

Os produtos da Sohha incorporam especiarias tradicionais do Oriente Médio, como Za’atar, sumac e sal marinho em seus iogurtes, junto com óleo de oliva, para criar uma consistência salgada e cremosa – o que a companhia acredita que é a representação mais autêntica do que um iogurte salgado pode ser.

Grande parte do potencial do iogurte salgado está em sua versatilidade de uso, algo que os consumidores americanos estão apenas começando a perceber, disse Fout. Com relação ao momento em que o iogurte deve ser consumido, os americanos são particularmente presos à ideia de consumi-lo como um alimento de café da manhã com sabor de fruta ou um lanche, mas a Sohha quer mudar essa percepção. “A beleza do iogurte salgado é que tem vários usos diferentes. Não é somente um lanche”.

O iogurte da Sohha e os iogurtes salgados em geral podem ser usados em molhos, marinados, wraps, sanduíches e puros. 

A fabricante de iogurtes artesanais testou os conceitos de seu produto em uma loja no Brooklyn com um bar de iogurte, onde os consumidores puderam aprender e experimentar diferentes sabores e usos. Entretanto, a experiência que a Sohha fornece em suas lojas não necessariamente se traduz bem em lojas de varejo, disse Fout. “Acho que uma das coisas que as lojas lutam é: onde isso fica nos supermercado? No próximo ano, vamos fazer mais para impulsionar o produto e tentar torná-lo mais claro para as pessoas”.

Fonte: GuiaLat

2 respostas em “Iogurte salgado: tendência nos EUA

  1. Pingback: O futuro do iogurte grego | + Bio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s