Mercado de lácteos em 2017

Mercado de lácteos em 2017

Presente em praticamente 100% dos domicílios brasileiros, o leite apareceu pelo menos 2,5 vezes ao mês no carrinho dos consumidores no ano passado. Nesse cenário, o UHT destacou-se, aumentando o volume consumido dentro dos lares – uma consequência do crescimento nas refeições feitas em casa.

O ano também marcou a expansão do segmento de Zero Lactose, que atingiu em cheio aos compradores mais maduros e de classes mais altas, com lançamentos diários, não apenas de leites, mas também de iogurtes, queijos e manteigas, entre outros, e das mais variadas marcas.

Alguns fatores influenciaram o aumento de UHT nos domicílios; além do uso da regular da categoria, há um aumento do emprego do produto para fins culinários.

O cenário positivo dentro do lar no setor lácteo foi influenciado pela queda elevada do consumo em bares e restaurantes, o que fez aumentar o uso da categoria tanto para beber como para a preparação de receitas, apesar de todo contexto econômico negativo que a categoria sofreu, com a seca, aumento da ração e, por consequência, o elevado aumento do preço do leite. Dentro deste contexto, creme de leite, leite condensado, UHT e iogurtes foram as categorias que mais contribuíram positivamente para o setor.

De acordo com os estudos elaborados pela Kantar Worldpanel, na esteira dos derivados de leite, o queijo tem tudo para se destacar no ano que acaba de começar. Versátil, já que pode estar presente na mesa desde o café da manhã até o jantar, dentro e fora do lar, o produto segue ganhando espaço desde 2015. As fórmulas infantis, que têm maior valor agregado, também têm mostrado sua força e ampliado seu espaço no ticket de compra, o que indica que a curva ascendente tem tudo para continuar.

As perspectivas, assim como nos demais setores, apontam que os domicílios tendem a gastar mais conforme a estabilização da inflação e de outros indicadores macroeconômicos, com as promoções desempenhando um papel importante no consumo e produtos com embalagens alternativas e marcas mais baratas despertando cada vez mais a atenção do shopper.

Fonte: Kantar Worldpanel

3 respostas em “Mercado de lácteos em 2017

  1. Pingback: Grande marca do mercado alimentício estuda lançar leite orgânico | + Bio

  2. Pingback: Parceria de grandes marcas pode ser benéfica ao mercado lácteo | + Bio

  3. Pingback: Produtos lácteos sem lactose e com redução de açúcar ganham mais um aliado | + Bio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s