A saúde do brasileiro está influenciando o mercado alimentício

A saúde do brasileiro está influenciando o mercado alimentício

Em outubro de 2016 a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomendou que fossem criados impostos sobre bebidas contendo açúcar, como medida de combate à obesidade no mundo.


A organização apresentou um estudo que mostra que um aumento de 20% no preço desses produtos já impactaria o consumo, contribuindo para a diminuição da incidência de problemas relacionados ao consumo do açúcar – como obesidade, diabetes, problemas dentários – e reduzindo os custos do setor de saúde para o Estado.

No Brasil, a Pesquisa Nacional de Saúde mostra que nove milhões de brasileiros acima de 18 anos têm diabetes, com um percentual mais elevado entre as mulheres do
que entre os homens – 77% e 5,4% respectivamente – e que 21,4% deles têm
problemas de hipertensão.

Entre os brasileiros com hipertensão arterial, 91,1% receberam recomendações médicas para reduzir o consumo de sal e 88,4% para adotar uma dieta saudável.

Além disso, 52,5% da população do Brasil está com excesso de peso, em comparação a 43% em 2006, de acordo com dados publicados pelo Ministério da Saúde em 2014.

Os brasileiros estão preocupados com a saúde: 31% dos consumidores que comem fora afrmam que os restaurantes deveriam fazer mais para combater a obesidade.

Fonte: Mintel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s