Grande empresa do setor investe em embalagens sustentáveis

Grande empresa do setor investe em embalagens sustentáveis

A Arla revelou planos para introduzir embalagens mais sustentáveis para leite e iogurte na Suécia, Dinamarca, Finlândia, Holanda, Alemanha e Reino Unido.

A cooperativa de lácteos disse que até o final do ano estará produzindo 600 milhões de caixas de leite frescas renováveis e 560 milhões de potes de iogurte recicláveis. A mudança do plástico baseado em combustível fóssil para plástico de base biológica derivado de cana-de-açúcar ou resíduos florestais para caixas de leite torna-os 100% renováveis.

A empresa também diz que eles contribuem com 25% menos de dióxido de carbono na atmosfera em comparação com seus antecessores plásticos baseados em combustíveis fósseis. Para os potes de iogurte, a mudança para o plástico reciclável significa que podem ganhar uma segunda vida se os sistemas de reciclagem nos mercados permitirem isso.O anúncio marca o primeiro grande passo na nova estratégia de embalagens sustentáveis da Arla.

A empresa anunciou em março que pretende reduzir suas emissões de gases de efeito estufa em 30% por kg de leite na próxima década e trabalhar para emissões de carbono zero até 2050. Peter Giørtz-Carlsen, diretor da Arla na Europa, disse: “queremos ajudar as pessoas a terem uma vida mais sustentável, além de se sentirem bem com o que está na sua geladeira. Leite fresco e iogurtes são apreciados diariamente na maioria das famílias em nossos principais mercados e também são essenciais para nossos clientes de varejo. É por isso que esses itens ficaram no topo de nossa lista de embalagens para melhorar a partir de uma perspectiva de sustentabilidade e nossa presença pan-europeia nos permite alavancar nossa escala e impactar vários mercados simultaneamente”.

Desde 2005, a Arla disse que reduziu o impacto de CO2 de suas embalagens em 25% e retirou 7.500 toneladas de plástico de garrafas de leite no Reino Unido.Giørtz-Carlsen acrescentou:

“mais de 90% dos consumidores acham que as embalagens devem ser projetadas para facilitar a reciclagem e querem poder fazê-lo em seus sistemas locais de reciclagem. Este tem sido um dos principais impulsionadores dessas iniciativas. Atualmente, cerca de 90% das nossas embalagens são possíveis de reciclar em um dos nossos principais mercados e queremos tornar todas as nossas embalagens recicláveis e viáveis em todos os nossos principais mercados até 2025. Dependemos dos sistemas de reciclagem em mercados serem totalmente desenvolvidos e, quando forem, estaremos preparando nossas embalagens para estarem prontas”.

Fonte: GuiaLat

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.