Say No to Soda, Yes to Healthy Drinks.

shutterstock_150471707

Learn five reasons why soda is bad for you and five healthy drinks that are better for quenching your thirst.

Sodas are sweet, sparkling and tasty — but don’t confuse them with a healthy drink. Doctors have discovered a ton of health risks connected with drinking soda pop. Worse, you’re robbing yourself of a healthy drink alternative brimming with needed vitamins and minerals every time you chug down a soft drink.

“If you’re choosing a soda, chances are you aren’t choosing a healthy beverage,” says Keri M. Gans, a nutrition consultant in New York City and a spokeswoman for the American Dietetic Association. There are a number of healthy drink choices you can make instead.

Why Say No to Soda?

  • Soda is truly worthless to your body. “In my opinion, there’s really one major reason to not drink soda,” Gans says. “It has absolutely no nutritional value. Soda is filled with sugar and calories and nothing else.” Even diet sodas — low to no calories and sugar — don’t have any redeeming virtues, nutritionally. Healthy drinks, on the other hand, have vitamins and minerals the body can use. Even plain water can rehydrate your body without adding extra calories to your diet.
  • Sugary sodas contribute to obesity and diabetes. Soda is loaded with high-fructose corn syrup, a sweetener that has been linked to obesity. Soda consumption also has been linked to the development of type 2 diabetes, both due to its sugar content and its effects on the body’s hormones. And diet soda? It may not be any better. At least one study has linked artificial sweeteners, such as those used in diet sodas, to increased appetite, greater difficulty losing weight, and a harder time maintaining weight loss.
  • Soda damages your teeth. The sugar in soda coats your teeth, combining with bacteria in your mouth to form acid. Both regular and diet soda also contain carbolic acid through carbonation. These acids work to weaken tooth enamel, causing cavities and tooth decay.
  • Drinking soda can weaken your bones. Most sodas contain phosphorous and caffeine, agents that are believed to contribute to osteoporosis. Experts also worry that people consume soda in place of milk or other healthy drinks, depriving the bones of calcium.
  • Soda can harm your major organs. Research has demonstrated that increased soft drink consumption may be linked to chronic kidney disease, development of metabolic syndrome (a group of symptoms that add up to increased heart risk), and fatty liver, a chronic liver disease.

Healthy Drink Alternatives

Luckily, there are limitless options when choosing a healthy drink over a soda pop. Some soda alternatives include:

  • Water. It is the ultimate healthy drink. “It’s free in every sense of the word,” Gans says. “It has no calories and it comes straight from your tap.”
  • Fruit juice. Gans urges you not to drink straight fruit juice, which contains a lot of sugar. “Drink some seltzer with a splash of juice for a little flavoring,” she says. “Rather than drinking juice, eat a piece of whole fruit. You’re also getting the fiber in the fruit.”
  • Milk. This is another essential healthy drink, particularly for kids. “An 8-ounce glass of nonfat milk has 80 calories and nine essential nutrients,” Gans says. “You get a lot of bang for your buck.”
  • Tea. Whatever teas you prefer — green, black, herbal — they all have been shown to contain high levels of antioxidants, which are believed to protect the body from damage.
  • Powdered drink mixes. They contain no tooth-rotting carbonation, and come in sugar-free varieties. They give your sweet tooth a fix without harming your overall nutrition.

And remember that you can always cut up some fresh fruit and pop a little into a tall glass of water for an extra flavor kick. Choosing healthy drinks over soda: Give it a try. Your body will thank you.

Fonte: Everyday Health

Pessoas que bebem refrigerante diet consomem mais calorias nas refeições.

shutterstock_139242974

Substituir refrigerantes normais pelos diet não necessariamente implica em uma melhora na alimentação. Isso porque um novo estudo concluiu que pessoas obesas ou com sobrepeso que fazem essa troca consomem, em média, mais calorias totais ao longo do dia do que aquelas que continuam bebendo refrigerantes com açúcar. “Elas acabam comendo mais alimentos sólidos nas principais refeições e lanches”, diz Sara Bleich, professora da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, e coordenadora da pesquisa.

O trabalho se baseou nos dados de aproximadamente 24 000 pessoas com mais de 20 anos de idade que haviam participado de um estudo nacional entre 1999 e 2012. Os resultados foram publicados nesta quinta-feira no periódico American Journal of Public Health.

Segundo a pesquisa, entre os participantes obesos, aqueles que bebiam refrigerantes diet consumiam, em média, 2 058 calorias ao dia, enquanto os que preferiam refrigerantes normais consumiam 1 897 calorias diariamente. Entre as pessoas que tinham sobrepeso, essa diferença foi de 1 965 contra 1 874 calorias diárias.

Hipóteses — Para os autores do estudo, é possível que adoçantes artificiais ativem de forma mais intensa as regiões do cérebro responsáveis pelo sistema de recompensa. Consequentemente, as pessoas que consomem esse produto podem ser induzidas a comer mais porque sentem que não há açúcar suficiente na corrente sanguínea.

Essa tese, porém, ainda não está comprovada. Alguns médicos acreditam que o refrigerante diet em si não faz com que uma pessoa coma mais e engorde, mas sim o fato de as pessoas sentirem que podem “compensar” o refrigerante diet com a ingestão de alimentos mais calóricos. “Os resultados do nosso estudo sugerem que adultos com sobrepeso ou obesidade que desejam perder ou manter o peso, e que já substituíram refrigerantes comuns pelos diet, devem ficar atentos aos outros componentes da alimentação, especialmente os lanches que comem entre as refeições”, diz Sara.

Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/saude

Está na hora de largar o refrigerante!

shutterstock_96253382

Que os refrigerantes não fazem nada bem a nossa saúde não é uma grande novidade. Mas para convencer você de vez reunimos uma lista de motivos para te fazer largar de vez esta bebida que deixa seu corpo nada nutrido.

Refrigerantes são uma bomba de açúcar e gordura. O problema disso é que essas substâncias fazem com o que corpo entenda que está sendo nutrido – o que não acontece de verdade – e libere enzimas que catalisam a energia proveniente do “alimento”. Como não há nada de nutritivo, o açúcar é armazenado como gordura e o organismo ainda perde vitaminas e minerais.

Se você acha que está fora desta lista por beber refrigerantes diets, está profundamente enganado. A ciência explica que essas bebidas contem substâncias que imitam o açúcar, fazendo com que o organismo entenda que a glicose está sendo absorvida. Até aí tudo bem, mas como a absorção não acontece, o corpo faz com que o consumo de açúcar seja compensado posteriormente, o que pode causar uma ingestão exagerada de açúcar, mesmo depois da necessidade de absorção já ter sido suprida.

Os refrigerantes mais consumidos são os produzidos a base de guaraná e de cola, cujos são ricos em cafeína. A cafeína é responsável pela dilatação dos vasos sanguíneos, excitação e liberação de adrenalina, o que pode causar pressão alta.

A parte natural que existe nos refrigerantes é muito pequena em comparação com as quantidades de xarope, aromatizantes, acidulantes, açúcares, corantes e adoçantes existentes. Resumindo, eles são compostos por muita química – que pode ser utilizada até mesmo para dissolver um rato e ossos – o que pode causar vários danos à saúde.

Fonte: http://www.megacurioso.com.br